segunda-feira, 19 de agosto de 2013

TAV tem orçamento de R$ 267 milhões para 2014

16/08/2013 - Ministério dos Transportes

O ministro dos Transportes, César Borges, garantiu nesta sexta-feira (16/8) que o governo federal está empenhado na elaboração do projeto executivo do Trem de Alta Velocidade (TAV) com o limite orçamentário de R$ 267 milhões para 2014. Segundo ele, o valor de R$ 1 bilhão noticiado por alguns órgãos de imprensa é uma estimativa. "Não haverá esse gasto no governo da presidenta Dilma com o projeto, nem de longe. Isso não existe, é uma estimativa bastante elevada. Vamos buscar todas as formas e maneiras possíveis de reduzir esse valor ao máximo possível", ressaltou.

Neste ano, o custo da licitação em andamento pela Empresa de Planejamento e Logística S.A. (EPL) para a escolha da gerenciadora do projeto oscila entre R$ 60 e R$ 70 milhões. César Borges reiterou a necessidade do Trem de Alta Velocidade para um importante eixo do país, ligando as cidades do Rio de Janeiro, São Paulo e Campinas. Sobre a prorrogação do processo licitatório, o ministro lembrou que a decisão não atrasa o cronograma total e a previsão para entrada de operação do TAV em 2020.

Nenhum comentário:

Postar um comentário