sábado, 17 de agosto de 2013

Restauração do galpão da Madeira-Mamoré está na fase final, em RO

02/08/2013 - G1 RO

Projeto passará por vistoria do Iphan antes de ser entregue oficialmente. Museu será construído no complexo, em Porto Velho, para preservar história.

Por Halex Frederic

A obra de recuperação do galpão do Complexo da Estrada de Ferro Madeira-Mamoré (EFMM), em Porto Velho, que conta com a antiga oficina, girador e rotunda, já está na fase final. De acordo com a concessionária Santo Antônio Energia (SAE), o local deverá receber um museu para preservar as histórias dos profissionais que trabalharam na construção do complexo, peças e locomotivas. O galpão recuperado receberá uma vistoria do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico (Iphan) e, somente após a avaliação e aprovação, será feita uma licitação para construir o museu.

Giovani Barcelos, arquiteto do Iphan é responsável por acompanhar as obras no local e contou ao G1 que o galpão passou por uma reestruturação geral, compreendendo a troca de telhas danificadas, modificação na estrutura metálica oxidada e enferrujada, reestruturação do piso, implantação de um novo sistema de drenagem e recebimento de uma nova pintura no local.

A revitalização do espaço foi entregue provisoriamente na quarta-feira (31) para o Iphan, de acordo com Barcelos. Representantes do instituto deverão vistoriar as reformas que foram feitas na área para analisar se estão dentro dos parâmetros corretos de preservação estabelecidos. "O Iphan vai analisar o local. Se houver algum erro na obra, a empresa terá um prazo de 90 dias para se adequar e entregar a obra dentro dos conformes", explica.

A conclusão da obra de restauração do galpão, que iniciou em 2012 e teve um investimento de R$ 8,5 milhões, estava prevista para ser entregue em abril deste ano, mas deverá ser concluída este mês. O coordenador de sustentabilidade da SAE, Alexandre Queiroz, explicou que empecilhos como período de chuva e características do trabalho e segurança motivaram o atraso da entrega do projeto em alguns meses.

Museu

Giovani informou que, paralelo à revitalização e recuperação do galpão, está sendo construído um museu de preservação da história do complexo da EFMM com exposição de peças usadas nas locomotivas e oficina. O projeto museológico - que consiste em definir qual é conceito do museu e temas que serão abordados - está pronto.

Atualmente, a construção do museu está passando pelo projeto executivo, que delimitará que tipo de peça é mais adequado para fazer a estruturação do empreendimento, levando em conta aspectos como segurança e preservação. A previsão de conclusão desta fase é para agosto deste ano.

Após os projetos serem concluídos, a concessionária abrirá o processo de licitação para, então, uma empresa construir fisicamente o museu. Com a conclusão do projeto, o espaço será entregue à Prefeitura de Porto Velho, que será responsável pela gestão e administração do local.

Fonte: Do G1 RO

Nenhum comentário:

Postar um comentário