sábado, 27 de julho de 2013

ANTT aceita sugestões para traçado da ferrovia entre MS e Paranaguá

15/07/2013 - Gazeta do Povo

Sugestões para o traçado da nova ferrovia que vai ligar Maracaju (MS) a Paranaguá (PR) podem ser enviados para o site da Agência Nacional de Transportes Terrestes (ANTT) até o fim do mês. Nesta sexta-feira (12), os técnicos da ANTT receberam contribuições de entidades de classe, empresas, representantes de setores público e privado e prefeitura do Paraná. Eles discutiram também o traçado de uma ferrovia entre Mairinque (SP) e Rio Grande (RS), que vai atravessar o Paraná.

As contribuições que forem consideradas pertinentes serão incorporadas ao projeto. Depois serão realizadas audiências públicas para apresentação do modelo de edital e tomada de novos subsídios. Os planos de outorga devem ser elaborados ainda este ano. O projeto de concessão será enviado ao Tribunal de Contas da União e depois irá a leilão.

Ferrovia

A ferrovia de Maracaju a Lapa (que depois seguirá até Paranaguá) tem 989 quilômetros e passa por 33 municípios, sendo 25 no Paraná, segundo a ANTT. A obra é estimada em R$ 7,3 bilhões e deve demorar cinco anos para ficar pronta. Entre Lapa e Paranaguá, o trecho terá 150 quilômetros e passa por oito cidades. O tempo de implantação estimado é de dois anos, com custo de R$ 1,5 bilhão.

O pacote de investimentos do Governo Federal, anunciado em 2012, é de R$ 100 bilhões e contempla 11 mil quilômetros de ferrovias no Brasil. Os projetos entram novo modelo proposto pelo governo em que as operadoras vão cobrar uma espécie de pedágio para os trens.

No primeiro projeto apresentado pelo Governo Federal, a linha desviava da cidade de Mafra até o litoral de Santa Catarina. O governo do estado e representantes da sociedade e de empresas pressionaram o governo para que o traçado passasse de oeste a leste pelo Paraná.

Nenhum comentário:

Postar um comentário