segunda-feira, 13 de maio de 2013

ANTT apresenta três alternativas de traçado da Fico

13/05/2013 - Expresso MT

Durante a reunião foram apresentados três estudos de traçados elaborados pela ANTT

A audiência da última sexta-feira (10), em Cuiabá, foi marcada pela participação dos prefeitos e representantes das cidades onde a Ferrovia de Integração do Centro-Oeste (Fico) passará em Mato Grosso. A reunião técnica para a contribuição ao traçado, em estudo, à implantação da ferrovia, ligando Lucas do Rio Verde a Campinorte (GO), foi promovida pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Acompanhamento da Logística Intermodal de Transportes (Selit) e da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

Além do prefeito de Lucas do Rio Verde, Otaviano Pivetta, e do governo, o encontro contou com a presença dos gestores de Sorriso, Nova Ubiratã, Gaúcha do Norte, Paranatinga, Canarana, Água Boa, Nova Nazaré e Coalinho.

Durante a reunião foram apresentados três estudos de traçados elaborados pela ANTT, com investimento mínimo de R$ 6,6 bilhões e máximo de R$ 8,3 bilhões. A iniciativa inclui a construção de obras de artes, pontes, viadutos, pátios de cruzamentos, mas não a contempla a construção de terminais, o que ficará para outra fase. O projeto executivo será realizado pela empresa ou consórcio vencedor da concorrência, e o prazo para conclusão, após iniciada a obra, é de 38 meses.

O prefeito Otaviano Pivetta está entusiasmado com o novo marco regulatório que proporciona segurança jurídica ao processo, e que juntamente com o direito de passagem e transporte mútuo, operado pela Valec, vão garantir o retorno dos investimentos realizados pela iniciativa privada. “Vamos sempre defender os interesses de Lucas do Rio Verde

O senador Pedro Taques também participou da reunião e destacou a importância de debater o traçado e trabalhar para que o projeto saia do papel. “A Fico é uma das obras imprescindíveis para resolver o problema de logística de Mato Grosso. É preciso vontade política do governo federal para que ela saia do papel”, disse Taques.

De acordo com Francisco Vuolo, titular da Secretaria de Acompanhamento da Logística Intermodal de Transportes, foram apresentadas na reunião importantes contribuições que vão agilizar o processo para abertura dos editais.

Para dar continuidade às discussões sobre a Fico ainda serão realizados mais três encontros, em Lucas do Rio Verde, em Água Boa e outro em Brasília. Depois deste processo, será dado início às audiências públicas. (Com informações da SecomMT)

Fonte: ExpressoMT 

Nenhum comentário:

Postar um comentário