segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

ALL efetua carregamento histórico de vagões nos terminais de MT e MS

10/12/2012 - 24 Horas News

O volume embarcado somente no terminal de Alto Araguaia, cujas operações estão sob concessão da ALL desde 2006, foi de mais de 49 mil toneladas.

Marcos Cardial

A América Latina Logística (ALL) efetuou recorde histórico de carregamento de 1.006 vagões de milho e farelo, em 24 horas, com destino ao Porto de Santos (SP). Os indicadores levam em consideração as operações das estações ferroviárias em Alto Taquari, Alto Araguaia e Itiquira (Sul de Mato Grosso) e do município de Chapadão do Sul (MS). O carregamento foi realizado no dia 30 de novembro.

Somente no terminal de Alto Araguaia foram 635 vagões, o equivalente a mais de 53.800 toneladas. A quantidade de vagões e o volume em toneladas incluem também os terminais da Cargill e da Agrenco, cujas operações foram assumidas recentemente pela ALL, visando reforçar a descarga e o transporte da safra de grãos em Mato Grosso com destino ao Porto de Santos. O recorde anterior era de 600 vagões e 48 mil toneladas, um aumento real de 5,83% no carregamento de vagões.

O volume embarcado somente no terminal de Alto Araguaia, cujas operações estão sob concessão da ALL desde 2006, foi de mais de 49 mil toneladas. No terminal da Agrenco 73.300 toneladas, enquanto que na estação da Cargill foram mais de 4.600 toneladas. No terminal de Alto Taquari, o total foi de 145 vagões carregados, o que gerou embarque superior a 3.200 toneladas. Na estação ferroviária de Itiquira, construída em parceria com a Seara, 188 vagões foram preenchidos com produtos. No terminal de Chapadão do Sul, região Norte de Mato Grosso do Sul, foram 40 vagões e um volume de quase 3.300 toneladas embarcadas em 24 horas de operação.

"Esse carregamento histórico mostra a eficiência que a companhia vem atingindo no que tange à sua operacionalização. Sem dúvida é um número para comemorar e que explicita a capacidade operacional da ALL, conhecida pela sua excelência tanto na descarga de caminhões quanto no carregamento de vagões", aponta o coordenador de Terminal da companhia, Flávio José da Silva.

Capacidade e operação

O Terminal Ferroviário de Alto Araguaia possui em sua infraestrutura, pátio de espera para marcação, pátio de classificação, balanças ferroviárias, quatro tombadores e uma moega hopper. Cada tombador tem capacidade de descarga de 10 caminhões/hora, além de sete células (armazém) com capacidade de 4,5 mil toneladas cada, totalizando cerca de 32 mil toneladas entre grãos como milho e soja e farelo de soja.

Recentemente, a ALL assumiu as operações em sistema de arrendamento nos terminas da Cargill e da Agrenco. O primeiro tem capacidade de armazenagem do terminal da Cargill é de 45 mil toneladas distribuídas em dois silos verticais, sendo um para 25 mil e outro para 20 mil toneladas de grãos. O sistema de descarga conta com dois tombadores o que possibilita descarregar de sete a oito caminhões por hora. A previsão de descarga é de 350 caminhões e carregamento de 170 vagões por dia. O terminal ainda possui 150 vagas em seu estacionamento.

Já o terminal da Agrenco possui em seu sistema de descarga dois tombadores e uma moega podendo descarregar entre 12 e 15 caminhões/hora, totalizando 300 caminhões/dia. A capacidade de armazenagem é de 175 mil toneladas. O estacionamento da unidade tem capacidade para comportar cerca de 250 caminhões.

Juntos, o três terminais podem descarregar cerca de 1,6 mil caminhões/dia e espaço de manter estacionados 1,3 mil veículos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário