quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Obras da Ferrovia Transnordestina em Paulistana em marcha lenta.

07/11/2012 - 180 Graus

O prefeito de Paulistana, Luís Coelho, informou ao Cidadeverde.com que as obras continuam em marcha lenta, mas não estão paralisadas.


As obras da Transnordestina foram paralisadas, desde a última quinta-feira (1). Devido à falta de acordo entre trabalhadores e a Odebrecht, responsável pela construção da linha que ligará o Piauí aos portos de Pecém, no CE, e Suape, em PE, cerca de 3.500 operários estão de braços cruzados.

No Piauí, a construção continua, mas em marcha lenta; não há acordo entre trabalhadores e a construtora Odebrecht.

O prefeito de Paulistana, Luís Coelho, informou ao Cidadeverde.com que as obras continuam em marcha lenta, mas não estão paralisadas. O prefeito acrescentou que a falta de mão de obra tem sido uma das causas da lentidão nas obras. Por ser a maior cidade da região, Paulistana se tornou a cidade onde se concentram os trabalhadores da Transnordestina.


Enviado via iPhone

Nenhum comentário:

Postar um comentário