quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Mafra se consolida como um polo logístico no Planalto Norte do Estado

26/11/2012 - Diário Catarinense

No Planalto Norte, Mafra se consolida como o polo logístico de transporte ferroviário de Santa Catarina. A movimentação cresce entre 10% e 12% em volume por ano, segundo a concessionária que atua no Estado, a América Latina Logística (ALL).

Além disso, o programa de concessões do governo federal prevê quatro novas ferrovias em SC. E duas delas, já confirmadas, passarão por Mafra. Uma terceira, que ainda será incluída no programa, também poderá cruzar o município. Por enquanto, Mafra e o Vale do Itajaí são cogitados para receber esse terceiro traçado.

A extensão da malha existente hoje em SC e administrada pela ALL é de 1,2 mil quilômetros. Os principais trechos são os eixos Mafra_São Francisco do Sul (passando por Rio Negrinho, Jaraguá do Sul e Joinville), e Mafra_Lages, de alta densidade de tráfego.

No primeiro, circulam quatro pares de trens por dia com destino ou origem no porto de São Francisco do Sul, carregando 80 vagões, em média, com produtos como milho, soja, farelo de soja, óleo vegetal (exportação) e fertilizante e bobinas de aço (importação).

No trecho entre Mafra e Lages, são outros três pares de trens com 75 vagões, em média, carregados com álcool, milho, madeira, contêineres e combustível.

Sediada em Mafra, a oficina da ALL, especializada em manutenções preventivas e corretivas, emprega cerca de 250 profissionais que recuperam 350 vagões por mês.



Fonte: Diário Catarinense
Publicada em:: 26/11/2012





Enviado via iPhone

Nenhum comentário:

Postar um comentário