quarta-feira, 29 de agosto de 2012

Edital do estudo do trem Brasília-Goiânia sai em 60 dias

29/08/2012 - Revista Ferroviária

O edital para a contratação dos Estudos de Viabilidade Técnica, Econômica e Socioambiental (EVTEA) da Ferrovia Brasília-Anápolis-Goiânia deve ser lançado em 60 dias. A nova ferrovia terá cerca de 200 km e deve ser em linha dupla, sendo uma para carga e outra para passageiros, conectando com a Ferrovia Norte-Sul em Anápolis (GO).   Os trens serão de média capacidade, com velocidade de até 180 km/h.

Segundo o diretor-superintendente da superintendência do Desenvolvimento do Centro-Oeste (Sudeco) e coordenador do Comitê Técnico, Marcelo Dourado, está sendo avaliada uma Parceria Público-Privada (PPP) para a implantação da nova ferrovia. Dourado explica que a definição será feita após a conclusão dos estudos. O projeto está estimado em R$ 800 milhões.

Na segunda-feira (27/08), foi realizada a segunda reunião do Comitê Técnico para efetivação da ferrovia e foi aprovada a minuta do termo de referência para a elaboração de estudos de viabilidade técnica, econômica e socioambiental. A reunião contou com a presença de representantes do Ministério da Integração Nacional, Ministério dos Transportes, ANTT, DNIT, Valec, Governo de Goiás e Governo do Distrito Federal.

Um comentário:

  1. O q deve ser feito e q vejo aqui em Sergipe é uma onda de sinuosidades de toda malha férrea brasileira, no dizer de certas pessoas:'o engenheiro ganhava por km,s' não sei se é verdade ou não, pois aqui em Sergipe tem sinuosidade arrojada de 25km q, construindo uma tangente, reduziria de um extremo a outro seus 19km. Isso é o q deve ser feito na malha férrea de todo Brasil. Vamos por em prática e minhas andanças ainda continua os trilhos.

    ResponderExcluir