quinta-feira, 23 de fevereiro de 2012

Senador quer saber sobre as obras da Ferrovia de Integração Centro-Oeste

23/02/2012 - Mídia News

Para o Senador Pedro Taques, desenvolvimento regional está intimamente ligado à ferrovia

O senador Pedro Taques (PDT) protocolou na última sexta-feira (17), na Comissão de Infraestrutura do Senado, um requerimento para a realização de Audiência Pública com o objetivo de buscar informações sobre o andamento, cumprimento de cronogramas e dar publicidade à prestação de contas da construção da Ferrovia de Integração Centro-Oeste. O documento também é assinado pela senadora Lúcia Vânia (PSDB-GO).

A primeira etapa da obra (Incluída no PAC) que corresponde a 1.040 km, com custo de R$ 4,1 bilhões, tem conclusão prevista para 2014. "A intenção é levar esclarecimentos principalmente à população das localidades contempladas pelo projeto. Os valores envolvidos e a urgência do setor produtivo no implemento da estrutura de transporte ferroviário por si justifica a realização da audiência ora proposta”, justificou o senador Pedro Taques.

A obra cujo andamento se pretende esclarecimentos corresponde à construção de 1.638 quilômetros de ferrovia e tem um custo orçado em R$ 6,4 bilhões. Trata-se de empreendimento que dará impulso para o desenvolvimento do país, especialmente para os estados de Mato Grosso, Goiás, Rondônia e o sul dos estados do Pará e Amazonas.

Em Mato Grosso, os trilhos beneficiarão os seguintes municípios: Cocalinho, Nova Nazaré, Água Boa, Canarana, Gaúcha do Norte, Paranatinga, Nova Ubiratã, Sorriso, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Nova Maringá, Brasnorte, Sapezal, Campos de Julio e Comodoro.

"O desenvolvimento regional está intimamente ligado à ferrovia, pois sua construção avança para um novo paradigma de estrutura de transporte, até agora muito negligenciado no nosso país dadas as suas dimensões continentais”, complementou Pedro Taques.

No requerimento para a realização da Audiência Pública, Pedro Taques e Lúcia Vânia indicam para participar do evento o presidente da VALEC – Engenharia, Construções e Ferrovias; representante do Tribunal de Contas da União (TCU); e o diretor Geral do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit). Ainda não há data para a realização do evento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário