terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Diário Oficial publica:Estrada de Ferro Campos do Jordão passa para o controle da STM

03/01/2011 - 16h45 (Redação Agoravale) 

Oficinas da EFCJ, em Pindamonhangaba

Um dos primeiros atos do governador empossado em São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB) foi transferência da Estrada de Ferro Campos do Jordão – que estava subordinada à Secretaria de Esportes Lazer e Turismo (SELT) - para a STM (Secretaria de Transportes Metropolitanos) onde também está vinculada a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).

O Decreto 56.635 de 1º de janeiro de 2011, publicado no Diário Oficial do Estado de São Paulo, que dispõe sobre as alterações de denominação e transferências que especifica, define a organização básica da Administração Direta e suas entidades vinculadas decreta, em sua SEÇÃO II, no capítulo 'Das Transferências';

Artigo 3º - Ficam transferidos, com seus bens móveis, equipamentos, cargos, funções-atividades, direitos, obrigações e acervo:em seu VI - para a Secretaria dos Transportes Metropolitanos, prevista no Decreto nº 51.464, de 1º de janeiro de 2007, a Estrada de Ferro Campos do Jordão;...”

Parte do trajeto da ferrovia, em Campos do Jordão


De acordo com especialistas do setor ferroviário, a transferência representa algo positivo para os destinos da E.F.C.J., que a partir de agora terá respaldo de equipe técnica especializada e com ferramentas tecnológicas que farão modernizar a velha e tradicional ferrovia do Vale do Paraíba.

A ferrovia ligas os municípios de Pindamonhangaba, no Vale do Paraíba, a Campos do Jordão, na Serra da Mantiqueira. Sua construção teve início oficialmente em 1910 e foi inaugurada em 15 de novembro de 1914. Foi construída com o propósito de servir de acesso aos sanatórios de Campos do Jordão e também permitir o escoamento da produção rural da região da serra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário