segunda-feira, 6 de setembro de 2010

Edital da Ferrovia Centro-Oeste sairá até final do mês


06/09/2010 - Revista Ferroviária

A Valec deve publicar até o final de setembro o edital para a construção  da Ferrovia de Integração Centro-Oeste (FICO), no trecho que vai de Campinorte (GO) a Água Boa (MT).

A estatal aguarda a concessão da Licença Ambiental Prévia por parte do Ibama para lançar a concorrência.
O trecho vai ter 410 km de extensão. A ferrovia vai sair de Campinorte e passar por Nova Iguaçu, Pilar de Goiás, Santa Terezinha, Crixás, Nova Crixás e Aruanã.

A Ferrovia de Integração Centro-Oeste terá 1.638 km de ferrovia entre Campinorte (GO) e Vilhena (RO), com ligação com a Ferrovia Norte-Sul.
O projeto será executado pela Valec com investimentos total previsto de R$ 6,4 bilhões (recursos do PAC), em duas etapas.
A primeira etapa ligará Campinorte (GO) e Lucas do Rio Verde (MT), em um percurso de 1.040 km e investimentos previstos de R$ 4,1 bilhões. Já a segunda etapa terá 598 km ligando Lucas do Rio Verde (MT) a Vilhena (RO), com investimentos previstos em R$ 2,3 bilhões.

A ferrovia vai passar pelos estados de Goiás (Campinorte, Nova Iguaçu de Goiás, Pilar de Goiás, Santa Terezinha de Goiás, Crixás e Nova Crixás), Mato Grosso (Cocalinho, Nova Nazaré, Água Boa, Canarana, Gaúcha do Norte, Paranatinga, Nova Ubiratã, Sorriso, Lucas do Rio Verde, Nova Mutum, Nova Maringá, Brasnorte, Sapezal, Campos de Julio e Comodoro) e Rondônia (Vilhena).

A Ferrovia de Integração Centro-Oeste é a primeira parte do projeto da Ferrovia Transcontinental (EF-354), que terá 4.400 km de extensão.

Os estudos preliminares, o EIA/RIMA e o projeto básico da Ferrovia de Integração Centro-Oeste foram iniciados em 2009.

http://www.revistaferroviaria.com.br/index.asp?InCdNewsletter=5574&InCdUsuario=3307&InCdMateria=11349&InCdEditoria=1 

Nenhum comentário:

Postar um comentário