quinta-feira, 22 de abril de 2010

Deu vazio nas licitações da Norte-Sul



22/04/2010 - Revista Ferroviária

Nenhuma empresa compareceu às sessões públicas promovidas pela Valec, na semana passada, para receber propostas para licitações, do tipo concorrência pública e menor preço, em dois trechos da Ferrovia Norte-Sul: EF Carajás-Anápolis e Araguaina-Guarai.
Considerando que não houve nenhum candidato às concorrências, a Valec está avaliando com seu corpo jurídico se novas licitações serão abertas ou se poderão fazer contratações diretas (sem licitação).
As licitações eram para obras e serviços de adequação (como instalação do canteiro, terraplenagem, drenagem, entre outros) nos trechos da Norte-Sul para atender os termos de entrega e recebimento antes que os trechos fossem entregues para operação pela Vale.
Um dos editais era para o trecho EF Carajás-Anápolis, especificamente no subtrecho entre Porto Franco (MA) e Araguaína (TO). E o outro para o trecho entre Araguaína (TO) e Guaraí (TO) e acesso ao pátio de Guaraí (TO).

Nenhum comentário:

Postar um comentário